XXIX Encontro Associação Brasileira de Psicologia e Medicina Comportamental 2020

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

O IMPLICIT RELATIONAL ASSESSMENT PROCEDURE (IRAP) E O TEACHER BEHAVIOR CHECKLIST NA AVALIAÇAO DE PROFESSORES

Resumo

A avaliação do desempenho docente no ensino, geralmente, é feita com escalas de hetero-relato, como o Teacher Behavior Checklist (TBC). Esse tipo de instrumento é afetado por variáveis de controle social (e.g., responder de acordo com o esperado). Um dos instrumentos utilizados para controlar essa variável é o Implicit Relational Assessment Procedure (IRAP), que avalia o responder relacional por meio das latências de resposta. Os objetivos deste estudo foram: avaliar a relação entre a percepção de universitários sobre o grau de importância de seis itens do TBC e os estímulos “Bom” e “Mau” professor no IRAP, com controle de ordem de aplicação dos instrumentos; avaliar a existência de correlação entre a importância dos seis itens do TBC e os resultados do IRAP, e entre notas dos participantes em uma disciplina e a avaliação, com o TBC, do professor dessa disciplina. Participaram 40 estudantes distribuídos em dois grupos. O Grupo 1 respondeu ao TBC antes e após receber a nota final na disciplina, e depois responderam ao IRAP. A ordem de aplicação dos instrumentos foi invertida para o Grupo 2. Ambos os grupos apresentaram D-IRAP escores estatisticamente significativos para os tipos de tentativas “bom professor-positivo-verdadeiro” e “mau professor-negativo-verdadeiro”, corroborando dados da literatura. Não foram identificadas correlações estatisticamente significativas entre as variáveis testadas. Uma das hipóteses para esse dado foi o fato de que, no TBC, os alunos estavam avaliando um docente específico, enquanto, no IRAP, responderam de acordo com a percepção geral de bom ou mau professor. Além disso, o tamanho da amostra pode ter minimizado a probabilidade de um valor estatisticamente significativo. Conclui-se que os seis itens do TBC são adequados para caracterizar docentes eficazes, uma vez que esses estímulos foram fortemente relacionados com “Bom professor” no IRAP e que novos estudos são necessários para investigar correlações entre as variáveis estudadas.

Palavras Chave

Avaliação de professores, Teacher Behavior Checklist, Implicit Relational Assessment Procedure

Minicurrículo do proponente

Psicólogo pela Universidade Estadual de Londrina, Doutor em Psicologia pela Universidade Federal de São Carlos, Professor Adjunto do curso de Psicologia (Universidade Federal de Roraima), e colaborador externo do Instituto Nacional de Ciências e Tecnologia sobre Comportamento, Cognição e Ensino (INCT-ECCE). ORCID: https://orcid.org/0000-0001-9884-8592

População envolvida

Estudantes universitários do curso de Psicologia

Perfil do público alvo

Estudantes e pesquisadores interessados em temas como avaliação de desempenho, avaliação de desempenho de professores, psicometria, aplicações da análise do comportamento para a educação.

Área

Educação

Autores

Raquel Neves Balan, Verônica Bender Haydu, Marcelo Henrique Oliveira Henklain, João Henrique de Almeida