XXIX Encontro Associação Brasileira de Psicologia e Medicina Comportamental 2020

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

INTEGRANDO PRATICA PARENTAL POSITIVA E TERAPIA DE ACEITAÇAO E COMPROMISSO (ACT) NO TRATAMENTO DE CRIANÇAS COM AUTISMO

Resumo

A integração de conceitos da Terapia de Aceitação e Compromisso (ACT) ao treino de parentalidade positiva está recebendo atenção de pesquisadores e clínicos que atuam no âmbito do tratamento do autismo (Blackledge and Hayes, 2004; Coyne and Murrell, 2009; Goul, Tarbox and Coyne, 2017). Participaram do treinamento cinco famílias de crianças diagnosticadas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA). O treinamento ocorreu na modalidade online com periodicidade semanal por dez semanas consecutivas implementados por uma BCBA-D/QBA e um psicólogo comportamental. O objetivo do treinamento foi ampliar as habilidades parentais positivas dos pais integrando práticas de atenção plena, aceitação, identificação e clarificação de valores, desfusão e compaixão ao uso de estratégias analítico comportamentais para o ensino da cooperação infantil. Para a realização do treinamento foi utilizado um roteiro baseado no livro “The joy of parenting: An acceptance and commitment therapy guide to effective parenting in the early years” (Coyne and Murrell, 2009). A cada sessão do treinamento foi discutido um conceitos básicos da ACT e realizados exercícios práticos. O relato parental informou redução do estresse associado aos cuidados com as crianças e ao manejo dos comportamentos difíceis. Além disto, foi observada melhora no engajamento dos familiares na implementação de estratégias parentais positivas para os quais os familiares receberam treinamento e suporte continuado por meio modelo de Telessaúde implementado como parte do programa de tratamento da criança durante o período de isolamento social imposto pela pandemia da COVID-19.

Palavras Chave

Palavras-chave: ACT, treino parental, autismo, Terapia ABA

Minicurrículo do proponente

Lucas Polezi do Couto, Psicólogo (CRP 16/6198), formado na Faculdade Pitágoras de Linhares-ES, Consultor comportamental na clínica Casulo Comportamento e Saúde (Linhares-ES), clínica especializada no tratamento de crianças diagnosticadas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) e transtornos relacionado utilizando Terapia ABA.
Mylena Pinto Lima, Psicóloga (CRP 16/5908), Board Certified Behavior Analyst Doutoral Designation (BCBA-D), Qualified Behavior Analyst (QBA). Mylena Pinto Lima é doutora em Psicologia pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).

População envolvida

Estudantes de psicologia, psicólogos/as e demais profissionais da área da saúde.

Perfil do público alvo

Pais de crianças com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA).

Área

Transtorno do Espectro do Autismo

Autores

Lucas Polezi do Couto, Mylena Pinto Lima